Bem-vindo de volta a mais um projeto Epilog Laser! Desta vez, vamos fazer umas máscaras de EPI não indicadas para uso hospitalar com t-shirts antigas. Veja o vídeo acima ou leia sobre o projeto abaixo para ver como pode cortar rápida e facilmente máscaras de duas camadas a partir de tecido prontamente disponível.

Transferir gráficos


Materiais necessários


Usámos uma Mini 24 60w:

Duas camadas de algodão leve/peso médio

Vector - Velocidade: 75% // Potência: 35% // Frequência: 2500

Uma camada de algodão leve/peso médio

Vector - Velocidade: 75% // Potência: 25% // Frequência: 2500


Hoje vamos utilizar uma Epilog Mini 24, mas este projeto pode ser feito com qualquer uma das nossas máquinas.

As t-shirts antigas normalmente estão prontamente disponíveis e são materiais baratos, por isso são uma ótima opção para fazer máscaras não indicadas para uso hospitalar para utilizar neste momento.

Há duas formas principais de colocar o seu material na máquina laser.

T-Shirts cortadas diretamente a laser

Um método é simplesmente colocar a t-shirt diretamente na área de trabalho da sua máquina. Há duas coisas a ter em conta quando se faz isto.

Primeiro, é necessário certificar-se de que a cabeça do laser tem o espaço livre adequado para se mover em torno da máquina sem apanhar o material, por isso vai querer certificar-se de que a t-shirt não se enrola em nenhuma área. Pode verificar o espaço livre na Mini 24 premindo o botão X/Y Off e selecionando "Go" (Ir) para confirmar e depois movendo manualmente a cabeça do laser em redor.

A segunda coisa a ter em mente é que vai querer que o seu material fique o mais plano possível para que obtenha cortes consistentes. Vamos cortar duas camadas de material da t-shirt, mas queremos ter a certeza de que não haverá dobras ou pregas que desviem o foco da superfície do material com o laser.

Certifique-se de que o seu laser está focado sobre a superfície do material, depois dirija-se ao Adobe Illustrator com o ficheiro do grafismo.

Temos este ficheiro de projeto disponível para si em múltiplos formatos, por isso não deixe de consultar a pasta de transferências para encontrar a(s) pasta(s) que prefere.

Vamos imprimir para a máquina de gravação Epilog, certificando-nos de que o tamanho dos nossos suportes corresponde à área de trabalho do nosso laser.

Em seguida, no Dashboard Epilog, vamos configurar as nossas definições de impressão.

A velocidade e a potência que utilizar aqui dependerá ligeiramente da espessura do material da sua t-shirt. Estamos a trabalhar com algodões finos e de peso médio, e constatámos que para duas camadas, uma Velocidade de 75% e uma Potência de 35% funciona bastante bem com uma Frequência de 2500.

Definições de corte (Duas camadas de tecido leve/peso médio)
Máquina: de 60 Watt, CO2 Mini 24
Velocidade75% Potência35% Frequência2500
(Não deixe de consultar as definições de materiais recomendadas no manual da sua máquina.)

Se acabar por precisar de cortar apenas uma camada, reduza a potência para 25% e deverá estar tudo pronto a funcionar.

Definições de corte (Uma camada de tecido leve/peso médio)
Máquina: de 60 Watt, CO2 Mini 24
Velocidade75% Potência25% Frequência2500
(Não deixe de consultar as definições de materiais recomendadas no manual da sua máquina.)

Agora que temos as definições configuradas, podemos imprimir para a máquina.

Mais uma coisa a considerar, uma vez que estamos potencialmente a trabalhar com alguns materiais com formas irregulares, é garantir que o grafismo é colocado de forma adequada e que caberá dentro do material. Uma maneira de o fazer é premir o botão Pointer (Ponteiro) no painel de controlo da máquina Mini para ligar o Red Dot Pointer (Ponteiro vermelho).

Em seguida, com a tampa da máquina aberta, execute a tarefa e observe o ponto vermelho para ver onde o laser vai cortar. Se o laser sair do material, vai querer regressar ao seu software gráfico e ajustar a colocação em conformidade.

Quando tiver a certeza da localização do grafismo, prima o botão "Go" (Ir) para iniciar a tarefa.

O laser corta rapidamente a t-shirt e em cerca de 30 a 40 segundos tem uma máscara.

Preparar as t-shirts cortando-as à mão antes de as colocar no laser

Agora, a segunda opção para manusear o material, que leva um pouco mais de tempo à partida mas pode reduzir algum trabalho no laser, é cortar previamente as suas t-shirts. Com uma t-shirt média ou grande, deverá ser possível obter três a quatro bons retângulos de material, dependendo do tamanho do decote da t-shirt.

Com este método reduz as probabilidades de criar pregas e dobras à medida que prepara o material na máquina, mas, em última análise, a forma como lida com isto é consigo.

Estes trabalhos são realmente fáceis de executar e pode colocar uma pilha inteira de t-shirts antigas e criar muitas máscaras em pouco tempo.

Montagem final

Se está a pensar porque é que as máscaras têm quatro buracos, é porque foram concebidas para serem dobradas para proporcionar duas camadas de proteção, e ao fazê-lo cria-se uma ranhura onde pode colocar um lenço de papel dobrado, papel de cozinha ou outro material filtrante. Mais uma vez, estas máscaras não são indicadas para uso hospitalar e não devem ser usadas como tal, mas cada barreira por mais pequena que seja é útil.

Quando a máscara estiver dobrada, certifique-se de que alinha os orifícios para que obtenha um par de aberturas para as orelhas e depois a máscara está pronta a ser usada.

E já está. Máscaras super rápidas e fáceis de fazer com t-shirts antigas e uma Epilog Laser. Obrigado a todos e mantenham-se saudáveis.

Obter brochura e amostras grátis

Receba brochuras e amostras e obtenha mais informações nossas, ou do seu distribuidor local.

*
*
*
*
software do serviço de apoio